Navigation

Search

Categories

On this page

Encontro de Arquitectos: Rethinking Infrastructure Architecture
ASP.NET 2.0 no Porto dia 10 de Fevereiro

Archive

Blogroll

Disclaimer
The opinions expressed herein are my own personal opinions and do not represent my employer's view in any way.



RSS 2.0 | Atom 1.0 | CDF

Send mail to the author(s) E-mail

Total Posts: 121
This Year: 0
This Month: 0
This Week: 0
Comments: 35

Sign In
Pick a theme:

# Monday, 27 March 2006
Monday, 27 March 2006 01:46:43 (GMT Daylight Time, UTC+01:00) ( Arquitecturas )

Está tudo pronto para o Forum de Arquitectos (Infra-estrutura) de amanhã no CCB. O orador convidado é o Neil Macehiter e vair ser o responsável pela keynote do encontro.

Keynote: Rethinking Enterprise and Infrastructure Architecture - Neil Macehiter

Ao orador convidado da Macehiter Ward-Dutton cabe introduzir, numa perspectiva independente, um dos principais desafios que as organizações enfrentam hoje com as Tecnologias Informação (TI): alinhar com as prioridades de negócio. É objectivo desta sessão descrever como é que as TI orientadas a serviços, definidas no contexto dos processos de negócio, são necessárias para responder a esse desafio e que implicações têm nas actuais linhas de pensamento sobre Arquitecturas. Os diferentes temas serão agrupados numa framework que garanta a conformidade da TIs. Framework essa desenhada com o intuito de assistir os Arquitectos Infra-estrutura na avaliação de arquitecturas e tecnologias.

Sessão 1: Gestão Baseada em Modelos - Kevin Sangwell

No início de cada novo projecto, os Arquitectos de Soluções estabelecem um conjunto de requisitos funcionais junto da empresa. Estes requisitos são muitas vezes utilizados como critérios de êxito da solução; o cumprimento a 100% dos requisitos funcionais = êxito total. E é aqui que reside o problema. Se não houver uma implementação e gestão operacional bem sucedidas, a solução perde grande parte do seu potencial. Os analistas estimam que uma média de 70% do custo total da solução ocorre nas fases de implementação e utilização; assim sendo, por que não estipular um conjunto de requisitos não funcionais (por ex. capacidade de gestão, disponibilidade e segurança) juntamente com os requisitos funcionais? A Microsoft Dynamic Systems Initiative irá disponibilizar as ferramentas que permitem aos Arquitectos incluir aspectos como gestão, flexibilidade e segurança, entre outros, na estrutura das soluções. Esta sessão irá explicar a visão da DSI, abordar a gestão baseada em modelos e demonstrar formas de integração de alguns destes conceitos nas suas soluções já a partir de hoje.

Sessão 2: Aproximar as Duas Vertentes - Kevin Sangwell

As fases de integração e testes são porventura as mais penosas do ciclo de vida da solução para um Arquitecto. Correspondem ao momento decisivo em que as vertentes aplicação e infra-estrutura são confrontadas; é nesta altura que se encontram as primeiras restrições ao nível do data center e em que as políticas de segurança são aplicadas. É também nesta fase que, muitas vezes, ocorrem os gastos mais significativos em termos de tempo e custos. Do ponto de vista de um Arquitecto de Infra-estruturas, esta sessão irá demonstrar que se a infra-estrutura for tratada com o mesmo tipo de disciplina que o desenvolvimento, a transição entre código e implementação será feita de uma forma muito mais tranquila. Iremos constatar de que modo as ferramentas actualmente disponíveis já começam a aproximar estas duas vertentes, desenvolvimento e infra-estrutura, e analisar o que o futuro nos reserva.

Sessão 3: Infra-estrutura Orientada a Serviços - Kevin Sangwell

A maior parte das empresas desenvolveu a respectiva infra-estrutura de forma orgânica; uma nova aplicação aqui, um serviço acolá. Isto resulta numa intrincada rede de soluções, infra-estruturas dentro de infra-estruturas, cada uma delas com o seu próprio directório de utilizadores, políticas de segurança e equipas operacionais. Consequentemente, a gestão de identidades, segurança global e gestão de portfolio tornam-se mais complexos e dispendiosos. São muitas as empresas que encaram a consolidação e virtualização como a combinação mágica que irá dar resposta a estes problemas, mas estas por si só não são suficientes. É necessário aplicar uma estrutura Orientada a Serviços à infra-estrutura da empresa. Nesta sessão, iremos analisar um modelo hipotético de Infra-estrutura Orientada a Serviços, os benefícios que daí poderão advir e os desafios que encontrará pelo caminho até conseguir alcançar este objectivo.

# Monday, 06 March 2006
Monday, 06 March 2006 11:16:43 (GMT Standard Time, UTC+00:00) ( Web )

Sexta-feira vamos ter um bom grupo de oradores no Porto para um evento único em Portugal. Para além das sessões mais comuns como Membership, Layout, Web parts, DataControls/DataBinding, Migration, Performance, etc.. Ainda há uns extras sobre AJAX/Atlas e uma sessão de encerramento pelo Rui Quintino sobre Hacking/Security.

Mais informação no blog do Nuno http://blogs.msdn.com/nunoc/archive/2006/02/16/532938.aspx 

A malta de Lisboa tem aqui um excelente oportunidade para uma visita ao Porto. Junto alguns links úteis:

Com tanto link não se esqueçam de reservar o lugar no evento.